quarta-feira, 10 de maio de 2017

O que a Laroca dos anos 90 tem a te dizer em exatos 26 anos depois:




Curtindo a Vida Adoidado, ou Ferris Bueller's Day Off , como desejar, era febre na Sessão da tarde nos anos 90.

Volta e meia ainda passa nas telinhas, essa semana mesmo eu assisti, o que me fez lembrar de um texto escrito por mim em 1991 e que agora divido com vocês.

Essa era uma época em que escrevíamos cartas - muitas - e eu recebia cartas das minhas amigas que estudavam na mesma classe. Não ache exagerado, pois atualmente muita gente recebe um whats de alguém que está no dormitório ao lado !!!

O texto, basicamente é sobre "Curtir a vida" e por mais incrível que possa parecer, minha opinião, meu modo de pensar não mudou muito de lá pra cá...
Se querem saber... ou não... tenho orgulho de ainda ser aquela garota "leve" de anos (décadas) atrás... de bem com a vida... feliz...blábláblá...
Por mais peças que a vida me pregou, meu coração não se endureceu com o tempo, diferente do que aconteceu com a maioria dos adultos...!!!

A cartinha é meio boba mas como minha vida é até hoje, então não faz muita diferença:




(Abre aspas) Oi, tudo bem ?

Bom não tenho nada a perguntar e nada a escrever sobre novidades. Só estou escrevendo para falar um pouco sobre mim, sacô ?

Meu nome é Patricia... (gde novidade !) tenho 16 anos, estou cursando a 1a. serie do 2º grau, e tô feliz com minha escola, meus colegas de classe etc

Sabe, o que vale e me deixa de alto astral é a famosa frase que diz que devemos 

"Curtir a vida adoidado" !

Acho que essa frase tem tudo haver comigo, por isso curto a minha ao máximo.

Você já imaginou se "amanhã" acontece algo e aí...

... "Cabumba" ? Eu heim, nem pensar meu !

Mas deixando isso de lado, você tem que saber (aliás, acho que você já sabe) que sou muito louca, pirada, e também acho que sou um pouquinho "revoltada sem causa", "rebelde s/ causa, inconsequente"

Não sei o porque dessa "revolta s/ causa", mas como já está dizendo é "s/ causa" mesmo !

Mas além de tudo isso sou super alegre, happy mesmo, pra valer, s/ brincadeira, pode crê !

Gostaria de ser independente, cuidar da minha própria vida s/ dar satisfações a ninguém, pois acho que a única coisa que tenho que provar ( a respeito da minha própria vida e liberdade) é que não tenho que provar nada pra ninguém. Ninguém tem nada haver com ninguém, "cada cabeça uma sentença"

Tenho uma idéias revolucionárias, como por exemplo, uma delas (lá vem besteira!)

- "O que você acha de mudar o nome camisa de vênus, p/ camisa de Saturno ou Urano ou Plutão.. ? " eu acho que seria uma boa.

Tenho uma proposta a fazer:

- No futuro, vamos viajar para o exterior ? Ou seja, da porta de nossas casas p/ fora sacô ?

Sou fissurada em um loiro de olhos azuis ou verdes, mas o destino pega mesmo (s/ escapatória) e nessa fase tô gostando de um garoto moreno de olhos castanhos (vê se pode?)

Como diz minha querida friend Viviane (da gang G.B.):

- Você existe, então manifeste-se, grite, berre, piche, mova-se, solte-se. O mundo é belo, e você está aí, livre, feliz e pronta p/ uma vida cheia de surpresas (alegres ou tristes)

Sou feliz de estar aqui e agora, fazendo desse pqno instante um gde momento.

Conte comigo p/ o que der e vier.

Se você quiser, me escreva contando um pouco de sua vida. Mas se não quiser, me escreva de qualquer maneira.

Você que está lendo esse pequeno gde texto eu te agradeço, pois você gastou seu precioso tempo por uma causa nobre e justa: EU !

E mais uma vez não se esqueça

" Curta a vida adoidado !  (fecha aspas)

Patricia

ICE

"GB

P.S. bjcurtasuavidadoidadotchau !